quarta-feira, fevereiro 23, 2005

Chove!


Foto de Pedro Pinto aqui


Chove...

Mas isso que importa!,
se estou aqui abrigado nesta porta
a ouvir a chuva que cai do céu
uma melodia de silêncio
que ninguém mais ouve
senão eu?

Chove...

Mas é do destino
de quem ama
ouvir um violino
até na lama.


José Gomes Ferreira

7 Comments:

Blogger concha said...

"Mas é do destino
de quem ama
ouvir um violino
até na lama."

Tão bonito! Não conhecia!

11:57 da manhã  
Blogger hfm said...

Belo poema, belíssima fotografia! Gosto de vir aqui.

12:27 da tarde  
Blogger Cerejinha said...

Obrigada, por mais um poema de cortar a respiração!

12:43 da tarde  
Blogger BlueShell said...

Simplesmente...perfeito....
jinho e carinho, BShell

2:07 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Aquático é quase o mundo. São os sons das cordas dos fios de água deste poema.

Belissimo este poema de José Gomes Ferreira, o Poeta Militante

beijinhos
vento

10:35 da tarde  
Blogger heloisa said...

PARA LA' DE *BELO*, MINHA QUERIDA AMIGA!!!!!!!!!!
E... A FOTO* FAZ BELISSIMA "PARCERIA" COM O *POEMA*!
Beijinho!
Saudade!
Sua,
Heloisa.
***************

10:59 da tarde  
Blogger Cris said...

Lindo... simplesmente lindo!
Um beijo

12:18 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home