quinta-feira, outubro 27, 2005

Porto


Foto de Carlos Romão aqui



Não nasci por acaso nestas pedras
mas para aprender dureza,
lume excedido,
coragem de mãos lúcidas.

Aqui no avesso da construção dos tempos
a palavra liberdade
é menos secreta.

Anda nos olhos da rua,
pega lanças aos gestos,
tira punhais das lágrimas,
conclui as manhãs.

E principalmente
não cheira a museu azedo
ou musgo embalado
pela chuva da boca dos mortos.

Começa nos cabelos das crianças
para me sentir mais nascido nestas pedras.

Porto
- cidade de luz granito

Tristeza de luz viril
com punhos de grito.


José Gomes Ferreira


Para o Daniel , o Frog , a TMara e todos os outros meus amigos do Porto.
Para ti, também.

11 Comments:

Blogger Fernando Rozano said...

Ana, não imaginas o quanto fico feliz em passear em teus txtos e posts. Impossível ficar longe. Beijo.

10:38 da manhã  
Blogger Lmatta said...

Olá
Bela dedicação aos teus amigos.
"Para ti também" Por isso agradeço também.
Beijocas

3:15 da tarde  
Anonymous Márcia said...

Diz-se que o Porto é cidade-irmã da minha cidade, o Recife. Por isso, dá-me um prazer ainda maior este poema.

Beijazul do lado de cá do mar, Ana.

4:16 da tarde  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Ana
Muito obrigado pela homenagem ao Porto e pela dedicatória.
Um beijo
Daniel

6:38 da tarde  
Anonymous Pedro Camargos said...

Passo para dizer "olá" e me atiças a vontade de conhecer Portugal. Ainda hei de. Hei sim. Então, olá! Um abraço.

8:21 da tarde  
Blogger Heloisa B.P said...

LINDISSIMA FOTO!
BELISSIMO POEMA!
Fazem "Jus" a BELEZA DE MINHA LINDA *AMIGA*!!!!!
_Ando, aparentemente, longe!Mas...estou sempre PERTO!
Beijinho!
BEIJINHO!!!!!!!!!
Heloisa.
****************

10:38 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

...o Porto também é teu Ana
...sabes disso
...um beijo ***

9:25 da manhã  
Blogger TMara said...

Oh amiga, k gentileza doce a tua. Obrigada, de coração (sempre) aberto. Bom f,s. Bjs e :) viajando no arco-íris e nas gotículas de chuva.
P.S smp gostei mtºdo Zé Gomes F.

12:05 da tarde  
Blogger Su said...

gostei do poema
lindo gesto o teu para os teus amigos

jocas maradas deste lado do mar

11:18 da tarde  
Anonymous Maria do Céu Costa said...

Boa escolha de poema para homenagear esses amigos da linda cidade do Porto. Bonito gesto. Beijinhos.

8:52 da tarde  
Blogger AS said...

Querida Ana,
Por todos os motivos esta homenagem ao meu Porto foi especial... tu sabes! Há coisas que não esquecem nunca!

Abraço-te

5:33 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home