domingo, novembro 06, 2005

Letra para um hino


Foto de Major Morais de Castro aqui


É possível falar sem um nó na garganta
é possível amar sem que venham proibir
é possível correr sem que seja para fugir.
Se tens vontade de cantar não tenhas medo: canta.

É possível andar sem ser a olhar para o chão
é possível viver sem que seja de rastos.
Os teus olhos nasceram para olhar os astros
se te apetece dizer não grita comigo: não.

É possível viver de outro modo.
É possível transformares em arma a tua mão.
É possível o amor. É possível o pão.
É possível viver de pé.

Não te deixes murchar. Não deixes que te domem.
É possível viver sem fingir que se vive.
É possível ser homem.
É possível ser livre livre livre.


Manuel Alegre

19 Comments:

Blogger Fernando Rozano said...

Oi Ana. É verdade, a imagem foi trocada, enquanto escrevo o novo post, descanso nesse mar, que me acolhe, e no vôo das gaivotas busco palavras. Meu beijo.

1:02 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Gosto muuuuito deste poema,o Maneul alegre tem poesia linda,esta\ é um óptimo exemplo.
Beijinho
lua

2:03 da manhã  
Anonymous Pedro Camargos said...

Olá, Ana. Continuas com belíssimas seleções. Mas, insisto: também gosto muito quando tu mesma escreves. Beijo.

11:45 da manhã  
Blogger Su said...

o poema é lindo, todo ele, todas as palavras...

É possível andar sem ser a olhar para o chão
é possível viver sem que seja de rastos.
Os teus olhos nasceram para olhar os astros
se te apetece dizer não grita comigo: não.


lindoooo, toda esta liberdade

jocas maradas cheias de bons voos

11:47 da manhã  
Blogger lazuli said...

começar uma tarde de domingo entrando aqui..é revigorante. UM beijo.

1:51 da tarde  
Blogger hfm said...

É preciso saber ser livro como este "nosso" mar.

2:29 da tarde  
Blogger JPD said...

Temos que ser combativos. Concordo. Desafiar os nossos limites. Não ter medo da exposição.
Bjs

3:17 da tarde  
Blogger Cristina said...

Olá Ana,
mais um lindo poema, e como este diz, tudo é possível mesmo, basta nós querermos
:)
tem uma óptima semana
beijinhu

3:55 da tarde  
Anonymous zezinho said...

Por acreditar nisso, votarei nele.
O meu beijo, Ana.

8:24 da tarde  
Blogger Dilbert said...

É possível sim...
Beijokas e boa semana de trabalho

12:18 da manhã  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Ana
Esta escolha não foi por acaso... :)
Também gostava de ver um poeta lá...
Um beijo
Daniel

10:06 da manhã  
Blogger TMara said...

+ um belo poema de M.a num momento é k é necessário tomar uma decisão importante.Obrigada pela visita e companhia no dia de ontem e ternura assim ofertada. Boa semana, Bj de luz e paz :)

10:47 da manhã  
Blogger Ana Maria said...

"É possível ser homem.
É possível ser livre livre livre."

somos uns sonhadores felizes e livres.
gostei deste poema de Manuel Alegre.
obrigada Ana

1:03 da tarde  
Blogger murmurio do silencio said...

"É possível andar sem ser a olhar para o chão
é possível viver sem que seja de rastos.
"

uma bela verdade.

como sempre,

belo o teu blog.



beijo

4:43 da tarde  
Blogger lazuli said...

Ana, deste belo poema do (meu) candidato, escolho a frase.."Não te deixes murchar. Não deixes que te domem".
Não há dúvida que temos alguns "gostos" parecidos.

Beijo

6:32 da tarde  
Blogger palavras que escrevo said...

lindo este poema de Manuel Alegre, excelente teres partilhado aqui o Poeta
um grito à liberdade

é possível ...

voltarei mais vezes porque gostei de passar por aqui

beijinhos meus

lena

6:41 da tarde  
Blogger JPD said...

A poesia de M.A. é dos mais admiráveis valores da nossa cultura.
Bela escolha.
Bjs

10:47 da tarde  
Blogger cm said...

é possivel...não é o mesmo de dizer "hoje e agora existe"...mas fica o "é possivel"...e que um dia desperte "sendo"...

9:46 da manhã  
Blogger AS said...

Um dos mais belos poemas do Manuel Alegre!... Felicito-te Ana pela oportunidade!...

Um beijo

9:15 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home