quinta-feira, fevereiro 14, 2008

Reflexos



Olho-te pelo reflexo
do vidro
e o coração da noite

E o meu desejo de ti
são lágrimas por dentro,
tão doídas e fundas
que se não fosse:

____ o tempo de viver;
____ e a gente em social desencontrado;
____ e se tivesse a força;
____ e a janela ao meu lado
____ fosse alta e oportuna,

invadia de amor o teu reflexo
e em estilhaços de vidro
mergulhava em ti


Ana Luísa Amaral
(in Coisas de Partir)

.

13 Comments:

Blogger Maria said...

A imagem que este poema nos dá "o meu desejo de ti........ invadia de amor o teu reflexo".... é lindíssima.....
Não conhecia esta autora.
Obrigada, Ana, pela partilha.

Beijinho

2:14 da manhã  
Blogger poetaeusou . . . said...

*
mensagem standard
*
neste dia, recusa
o manto da solidão,
“ cobre-te de ti “
e sairás renovada(o)
,
in-poetaeusou
,
conchinhas
,
*

1:35 da tarde  
Blogger un dress said...

de que seria teu sangue

a cobrir-me

a

alma!?

12:22 da manhã  
Blogger Sophiamar said...

" e o meu desejo de ti são lágrimas por dentro..."

acontece tantas vezes!!!! minha querida Ana é assim a vida. Como alguém dizia, um vale de lágrimas, que temos de saber gerir da melhor maneira.

Beijinhosssssss muitosssss amigaaa!

6:16 da manhã  
Blogger Fernando Rozano said...

Esse poema me deixou sem palavras. Belo, intenso, afetivo, amoroso, rico em imagens, uma preciosidade que guarderei. Obrigado, Ana. beijo e tenha um belo fim de semana.

5:20 da tarde  
Blogger Adriana said...

Sua imagem e seu poema me despertou uma imensa calma.No final do dia é sempre bom chegar a calmaria.

7:23 da tarde  
Blogger Baby said...

A poesia e como um rio feito de lagrimas onde gostamos de lavar as nossas dores...

Beijinhos.

10:28 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Lindo! Lindo! Lindo!!!!!!!!

Jo

11:23 da tarde  
Blogger Kalinka said...

Querida Amiga
Mais uma excelente escolha.
LINDO.

Passo para desejar um óptimo fim de semana.

O que vos peço é que partilhem comigo um pouco do que pensam e sentem.
Quem sabe será uma ajuda, no meu percurso de Vida.
Já alguma vez fizeram essas perguntas a vós próprios?
Conseguiram uma resposta fácil?

Abraços.

1:43 da manhã  
Blogger maria m. said...

a força, o impluso, do desejo, do amor.

10:50 da manhã  
Blogger Amaral said...

As lágrimas por dentro exemplarmente expostas em versos de palavras simples.
"Se não fosse..." a Vida estaria incompleta. Por isso, o Amor quer ver reflectido na realidade o gosto de viver!...

11:58 da manhã  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Ana
Atravessei aquela ponte várias vezes... :)
Um beijo
Daniel

12:00 da manhã  
Blogger Ana Pallito said...

...salto no espaço.
Na tu ausência não há
chão. Ana Luísa Amaral
(in Coisas de Partir)

Especialmente Lindo!

3:36 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home