terça-feira, abril 13, 2010

Que amor não me engana



video


Que amor não me engana

Com a sua brandura

Se da antiga chama

Mal vive a amargura

...

Assim tu souberas

Irmã cotovia

Dizer-me se esperas

Pelo nascer do dia.



As palavras, a música e a voz inesquecível de Zeca Afonso. Memórias que permanecem vivas , esperando o nascer do dia.

.



9 Comments:

Blogger Maria said...

É uma das músicas do Zeca que me acompanha sempre em viagem...
Obrigada, Ana.

Beijinho.

7:56 da tarde  
Blogger Sylvia Araujo said...

Puxa, Ana. Daqui não consigo ouvir, estou sem áudio. Mas pela letra linda e pela recomendação entusiasmada, já vi que tenho que dar um jeito de escutar a música muito breve.

Obrigada pelo carinho, cotovia. Seu canto é sempre uma delícia.

Beijomeu

4:03 da manhã  
Blogger Dri Viaro said...

Muito lindo!!

bjs

3:32 da tarde  
Blogger A.S. said...

Querida Ana!

Haverá um amanhecer com trinados de cotovia no beiral da tua janela!


Beijossss
AL

4:19 da tarde  
Blogger Baby said...

Para encantar e recordar, sempre!

Um beijo.

6:55 da tarde  
Blogger Vieira Calado said...

Amiga!

São duas e meia.

Ainda é cedo
para me deitar.

Estou a acabar um livro sobre os cometas.

E fiquei com vontade de ver nascer o dia...

Bjs

2:23 da manhã  
Blogger Duarte said...

O meu agradecimento pelo comentário às minhas fotografias, a essas rosas que me incitam a retratá-las.

Boa eleição nos versos.
Tive a oportunidade de o conhecer pessoalmente, aqui em Valência, ademais uma grande pessoa.

Reconhecido e grato estou

12:52 da tarde  
Blogger Lmatta said...

lindo
beijos

5:15 da tarde  
Blogger poetaeusou . . . said...

*
amiga.
foram tantos
que se serviram de Zeca,
,
Presença serena
Que a tormenta amansa;
Nela, enfim, descansa
Toda a minha pena.
Esta é a cativa
Que me tem cativo;
E pois nela vivo,
É força que viva.
,
im zeca,
,
conchinhas,
,
*

9:36 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home