quarta-feira, setembro 14, 2005

Na noite


Foto de Miguel Costa aqui


Na noite
Na noite
Eu uni-me à noite
À noite sem limites
À noite.

Minha, bela, minha.

Noite
Noite de nascimento
Que me enche do meu grito
Das minhas espigas.
Tu que me invades
Que marulhas, marulhas
Que marulhas a toda a volta
E fumegas, és tão densa
E muges
És a noite.
Noite que jaz, noite implacável.
E a sua fanfarra, e a sua praia
A sua praia ao alto, a sua praia em toda a parte
A sua praia bebe, a sua lei é rei, e tudo se enleia sob ela
Sob ela, sob mais fino que um fio
Sob a noite
A Noite.



Henri Michaux

13 Comments:

Blogger AS said...

A noite e todo o seu fascínio num lindo poema!

Um beijo Ana

10:28 da manhã  
Blogger manuel said...

Gostei mto do marulhar do poema...

Aceita um beijo.

11:09 da manhã  
Blogger Dizzie said...

-la noche, y sus secretos...sus encantos, que nos hace soñar, y tanto mas...

besitos :)

3:36 da tarde  
Blogger heloisa said...

"Sob a noite
A noite."
****************
****************
BEIJINHO!!!!!!
E...ESTRELAS*, na SUA NOITE!!!!!
sua Amiga,
Heloisa.
**************

5:25 da tarde  
Blogger romero said...

La noche es la mitad de la vida y la mitad mejor :)
que poema encantador !
Beso

7:47 da tarde  
Blogger Dilbert said...

É lindo Ana... lindo...
Por estas e por outras é que eu adoro a noite...
Jinhos !

9:50 da tarde  
Blogger in_finito said...

A noite é envolvente, fascinante, misteriosa. Tudo está aqui, neste poema. :)

10:11 da tarde  
Blogger Kalinka said...

ANA:
A noite para algumas pessoas parece algo triste, pela escuridão, principalmente quando não há estrelas no céu (onde já ouvi isto?....)
No entanto, a noite é fascinante para quem a souber visualizar como deve de ser....os seus segredos, as suas sombras, o seu silêncio mas também os seus sons, de quando em vez....os seus encantos mil, eu adoro a noite, seja em que lugar fôr...
Parabéns pela bela escolha.
Beijokas grandes Amiga.

12:12 da manhã  
Blogger Quem sabe... said...

Acho que a noite me dá uma serenidade, assim como a fluidez do pensamento...é mágica, discreta, e cheia de mistérios por desvendar...

:) beijos

11:56 da manhã  
Blogger TMara said...

a noite é fasinante e serena. para +com uma lua assim. bjs e ;)

12:27 da tarde  
Blogger concha said...

Que bonito Ana!
Boa escolha, como sempre!

5:49 da tarde  
Blogger Heloisa B.P said...

ABRACO, QUERIDA ANA!
Heloisa.
************

11:01 da tarde  
Blogger Orfeu said...

A noite...torna-nos genuínos, vulneráveis e sonhadores.
Um beijo

12:13 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home