sexta-feira, setembro 09, 2005

Para pintar o retrato de um pássaro


Foto de autor desconhecido


Primeiro pintar uma gaiola
com a porta aberta
pintar depois
algo de lindo
algo de simples
algo de belo
algo de útil
para o pássaro
depois dependurar a tela numa árvore
num jardim
num bosque
ou numa floresta
esconder-se atrás da árvore
sem nada dizer
sem se mexer...
Às vezes o pássaro chega logo
mas pode também ser que leve
muitos anos
a pressa ou a lentidão do pássaro
nada tendo a ver
com o sucesso do quadro.
Quando o pássaro chegar
se chegar guardar o mais profundo silêncio
esperar que o pássaro entre na gaiola
e quando já estiver lá dentro
fechar lentamente a porta com o pincel
depois
apagar uma a uma todas as grades
tendo o cuidado de não tocar numa única pena do pássaro.
Fazer depois o desenho da árvore
escolhendo o mais belo galho
para o pássaro
pintar também a folhagem verde e a frescura do vento
a poeira do sol
e o barulho dos insectos pelo capim no calor do verão
e depois esperar que o pássaro queira cantar
se o pássaro não cantar
mau sinal
sinal de que o quadro é ruim
mas se cantar bom sinal
sinal de que pode assiná-lo.
Então você arranca delicadamente
uma das penas do pássaro
e escreve seu nome num canto do quadro.



Jacques Prévert
(trad. Silviano Santiago)

13 Comments:

Blogger in_finito said...

Um poema delicioso. Um hino ao que deve ser a liberdade. :)

7:57 da tarde  
Blogger Heloisa B.P said...

Extraordinario POEMA, querida ANA!
Como sempre, Sua impar sensibilidade e bom gosto!
Excelente Imagem, tambem! E... como *in_finito*, ja' deixou dito, e' de facto:"UM HINO AO QUE DEVE SER A LIBERDADE"!!!!!!
***********************
Querida *ANA*, venho AGRADECER a bonita mas, antes do mais, recheda de AMIZADE, a mensagm que deixou em meu blog!
Deixo AQUI a resposta que la' deixei, pois penso, que podera' nao voltar, tao depressa!_AQUI FICA:

"QUERIDA ANA, OBRIGADA!
Neste momento, Nossa AMIZADE, e' ja' FORTE_ADULTA_! Alimenta-se ja' por SI mesma! Mas a PAVRA e' sempre a AGUA que permite que a PLANTA cresca fresca e saudavem e... nao feneca!!!!!!!
OBRIGADA QUERIDA AMIGA, PELA FORCA IMENSA QUE ME TEM DADO AO LONGO DESTE TEMPO< EM QUE TIVE A DITA, DE CONHECE-LA!
_Estarei sempre "por perto"_MUITO PERTO EM SENTIMENTO!
Sua, Heloisa."
*******************

9:05 da tarde  
Blogger romero said...

Me gusta demas de tus "post's" ese poema es precioso, Ana.
Un bueno fin de semana y besitos

9:20 da tarde  
Blogger hfm said...

Prévert é para mim um marco, foi a minha primeira descoberta de "outra" poesia.

9:49 da manhã  
Blogger TMara said...

J Prevert há cerca de 5 décadas um poeta k me fascina.Obrigada pela tradução. Nunca fiz nenhuma e não tinha ideia como soava na nossa língua. Por favor passa lá por casa, precisamos de ti. Bom f.s Bjs e ;)

12:04 da tarde  
Blogger Kalinka said...

ANA:
QUE BONITO!
Nunca tinha lido nada igual, nem com tão belo significado, mas aprendi a melhor forma de pintar qualquer quadro que um dia me aventure a fazer.
Todos já a elogiaram pelo poema magnífico e eu, vou fazê-lo de forma diferente, tb com uma poesia, pois para mim será sempre a eterna questão:

Tentativa

Tento justificar minha obsessão
Do gosto pela poesia
É uma tentativa que não alcanço
Tentativa além dos meus sonhos
É um vício inexplicável
É uma sensação muito agradável
É vontade de mostrar toda a maravilha
Também toda a energia
Que vem da poesia.

Beijoka grande e bom fds.

2:40 da tarde  
Blogger Cristina said...

Ana,
Muito lindo mesmo, tens um lindo dom de escrever
:)
beijinhu e um óptimo fim de semana
:)

3:24 da tarde  
Blogger AS said...

Todos temos asas como um pássaro! Muitas vezes falta-nos a coragem de tentar o vvo...

E um pássaro, será sempre Livre! Mesmo dentro da gaiola, ninguém pode calar o seu canto!!!

Um beijo Ana e bom fim de semana

3:52 da tarde  
Blogger heloisa said...

Minha Querida ANA, Todos os seus Amigos que AQUI Lhe deixam mensagens e comentarios, o fazem de forma bela e tambem poetica, na sua maioria! porem, quero destacar, se mo permite, e a "visada" me perdoa... mas destaco o Bonito POEMA, que *Kalinka* Lhe deixa em jeito de MENSAGEM!_MUITO BONITO_!
Para SI*, AMIGA, meu simples Abraco!_Simples mas INTENSO E ENORME!
Sua, Heloisa!
****************

10:00 da tarde  
Anonymous Maria do Ceu said...

Uma boa selecção que fez para este seu post. Cumprimentos.

10:09 da tarde  
Blogger Kalinka said...

ANA:
Voltei...porque me senti tão Feliz pelas palavras da Heloísa que não posso deixar de lhe vir agradecer.
Se a Heloísa soubesse o bem que fez à minha alma, ela já merecia o Céu.
Aliás, a Ana sabe quanto eu gosto que visitem o meu blog, comentem, mas...não posso exigir isso de ninguém, por isso me vou resignando aos que lá vão de livre e expontânea vontade.
Mas, ler um elogio num blog de uma Amiga foi algo que nunca me passou pela cabeça e daí o meu estado de profunda e intensa ALEGRIA.
Muito obrigado Heloísa.
Beijos às duas.

10:49 da tarde  
Blogger Dizzie said...

"...mas se cantar bom sinal
sinal de que pode assiná-lo.
Então você arranca delicadamente
uma das penas do pássaro
e escreve seu nome num canto do quadro."

Mui bueno, me encante :)
besitos, precioso

3:11 da tarde  
Blogger douglas D. said...

Escrever o nome
em cores vivas
...

7:15 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home