terça-feira, janeiro 09, 2007

A estrada branca





Atravessei contigo a minuciosa tarde
deste-me a tua mão, a vida parecia
difícil de estabelecer
acima do muro alto
folhas tremiam
ao invisível peso mais forte.
Podia morrer por uma só dessas coisas
que trazemos sem que possam ser ditas:
astros cruzam-se numa velocidade que apavora
inamovíveis glaciares por fim se deslocam
e na única forma que tem de acompanhar-te
o meu coração bate.



José Tolentino de Mendonça
.

10 Comments:

Blogger blugaridades said...

De mão dada tudo parece mais fácil. De mão dada , os obstáculos têm outra dimensão e o sol brilha com outra intensidade.
Continuemos por aqui a dar as mãos e a percorrer os caminhos da amizade.
Beijinhos

7:36 da manhã  
Blogger Amaral said...

Uma mão amiga e indispensável à travessia duma vida...
Quando o coração bate, é sinal de que se conjugaram dois estados de ser numa única forma de amar...

12:18 da manhã  
Blogger douglas D. said...

belas imagens!

3:26 da manhã  
Anonymous Guilherme F said...

Coincidência...deixaram um Post com este poema. Belas palavras. Excelente escolha.
bj
Gui

9:27 da manhã  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Ana
Essa estrada não deixa de ser azul, por cima... e o Sol é ouro sobre...
Um beijo
Daniel

10:25 da tarde  
Anonymous Jofre Alves said...

Passei para desejar óptimo fim-de-semana e apreciar esta interessante página, onde impera a qualidade e bom gosto.

7:56 da tarde  
Blogger Kalinka said...

AMIGA ANA:

Iniciou-se a contagem decrescente para o lançamento do livro «Que é o Amor?».

Colaborei com um texto da minha autoria, dedicado a todos que de alguma forma marcaram a minha Vida em momentos inesquecíveis, mas também a alguém muito especial que nasceu dia 7 de Fevereiro e que, por não pertencer ao Mundo dos vivos, guardo com muito Amor, na minha memória (minha Mãe).

É uma excelente oferta em qualquer altura, mas como se aproxima o Dia dos Namorados, será bom começarem a preparar as vossas encomendas quanto antes.

Beijos e abraços.

9:50 da tarde  
Blogger blugaridades said...

Passei para te deixar um beijinho e desejar um bom fim de semana.

12:09 da manhã  
Blogger Miguel... said...

Belo Poema!!!

11:37 da manhã  
Blogger AS said...

Enquanto sentires bater o coração, o sonho ainda é possivel!...

Um beijo... e saudades!

6:47 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home