sábado, dezembro 20, 2008

Natal



Natal... Na província neva.
Nos lares aconchegados,
Um sentimento conserva
Os sentimentos passados.

Coração oposto ao mundo,
Como a família é verdade!
Meu pensamento é profundo,
'Stou só e sonho saudade.

E como é branca de graça
A paisagem que não sei,
Vista de trás da vidraça
Do lar que nunca terei!




Fernando Pessoa

(poema publicado pela primeira vez em Notícias Ilustrado, em Dezembro de 1928)




Para todos os que passarem aqui na Encosta, os meus votos de FELIZ NATAL.

.

33 Comments:

Blogger Maria said...

"Festas Boas" para ti, e um excelente ano de 2009...

Beijinho, Ana

3:42 da manhã  
Blogger ~pi said...

luz por dentro

lar

casa-lar

pra-ti-inteira :)




BEIJO




~

1:01 da tarde  
Blogger hfm said...

Para ti também e um beijo.

2:32 da tarde  
Blogger DE-PROPOSITO said...

Do lar que nunca terei!
---------------
Quantas pessoas não têm lar?!... Para esses, o NATAL não passa de uma miragem.
FELIZ NATAL e bom 2009 repleto de coisas boas.
Manuel

2:58 da tarde  
Blogger Maripa said...

Boas Festas,Ana!

...que o espírito de solidariedade e generosidade do bom Natal esteja sempre presente em cada dia das nossas vidas.
...que a saúde,o amor e a paz nos possam acompanhar no caminho de cada dia.

Abraço amigo.

4:14 da tarde  
Blogger Amita said...

Um Feliz Natal e um Ano Novo pleno de Paz, Amor e doces sorrisos.
Com carinho, um abraço

11:58 da tarde  
Blogger batista said...

que o teu Natal seja Bom,

deixo um abraço fraterno.

6:10 da tarde  
Blogger FERNANDA & POEMAS said...

Querida Ana, BOAS FESTAS... FELIZ NATAL, para ti e toda a Família... Um abraço de amizade,
Fernandinha

8:10 da tarde  
Blogger tulipa said...

Com o Natal à porta, os meus votos são:
Que nunca cesses de encontrar novas possibilidades na vida e em ti própria.
Que mantenhas dentro de ti uma Paz que nada possa destruir.
Que o ano 2009 seja tal como desejas.

Beijos.

Retribuo e agradeço os votos de Boas Festas.

9:07 da tarde  
Blogger Amaral said...

Façamos do Natal uma referência!
Uma refrência da verdade da família, uma referência do lar acolhedor que procuramos ter, uma referência do puro branco que nos rodeia.
O Natal terá de ser uma graça!
Mas uma graça que envolva tudo e todos!
Um Natal de feliz sabor para ti, que me acompanhas há muito nesta estrada virtual.

10:29 da manhã  
Blogger Amaral said...

Na verdade, o Natal terá de ser todos os dias!
Que todos os dias do novo ano sejam, então, natais de doce sabor, momentos desdobrados de amor colectivo, que nos faça ser aquilo que desejarmos em cada momento da vida...
Natal feliz para ti e para tudo à tua volta!

12:43 da tarde  
Blogger Wagner Marques said...

que lindo poema, não conhcecia este poema!

1:57 da tarde  
Blogger Baby said...

Um poema de Fernando Pessoa fica sempre bem. seja em que data for.

Que o teu Natal seja cheio de encanto, paz e Amor.
Que 2009 te traga a realização dos teus sonhos.

Beijos.

2:33 da tarde  
Blogger Menina_marota said...

Uma bela imagem, para um poema eterno.

Um grande abraço e o desejo que tenhas um Feliz Natal extensivo a quem te acompanha nesta caminhada da Vida.

4:31 da tarde  
Blogger Sophiamar said...

Desejo-te um Natal cheio de saúde, amizade, pão na mesa, harmonia, amor...
Que o Ano Novo te traga tudo quanto desejas.

Mil beijinhos

p.s Sempre tão bom visitar-te! Bem-hajas por tudo de bom que me deste.

6:54 da tarde  
Blogger O'Sanji said...

Deixo um beijo e os votos de festas felizes. Um 2009 repleto de coisas muito boas!

11:05 da tarde  
Blogger Odilon said...

Aqui no outro lado do Atlântico (para o lado e para baixo) as imagens de brancura no Natal são mero desejo.

Que este Natal seja completo de realizações e venturas, bem como o ano que se avizinha.

12:56 da manhã  
Blogger UMA PAGINA PARA DOIS said...

Natal...
Tempo de acreditarmos
que vale a pena viver!
Viver rodeado de amigos
e fazer de cada instante um
momento de eternas e constantes
alegrias, pois Deus existe e está
ao seu lado, enaltecendo de coisas
boas para você e para o seu próximo.
Abraços e um Feliz Natal!!!

3:37 da manhã  
Blogger poetaeusou . . . said...

*
Uma feliz Quadra
lembrando, os …
,
Natal é em Dezembro
Mas em Maio pode ser
Natal é em Setembro
É quando um homem quiser
Natal é quando nasce uma vida a amanhecer
Natal é sempre o fruto que há no ventre da mulher
,
Conchinhas de Luz,
,
in-p. Carvalho,
*

7:52 da tarde  
Blogger RFF said...

De 1928 para 2008 passaram 80 anos mas as palavras não envelhecem...

10:59 da tarde  
Blogger maria m. said...

Boas Festas, Ana!
um beijinho.

8:41 da manhã  
Blogger De Amor e de Terra said...

Olá Ana, boa tarde Amiga.
Gosto muito de Poemas de Natal e da quadra em si.
Gostei da imagem e do poema que escolheu, como sempre e faço vostos de que o Natal tenha sido bom e o ano de 2009 lhe traga Paz e Luz.
Beijos da
Maria Mamede

4:56 da tarde  
Blogger Conceição Bernardino said...

"O valor das coisas não está no tempo em que elas duram,
mas na intensidade com que acontecem.
Por isso existem momentos inesquecíveis,
coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis".
(Fernando Pessoa)
Venho desejar um Feliz Ano Novo e dizer que no ano de 2009 estarei mais presente no teu Blog.
Conceição Bernardino

11:31 da tarde  
Blogger Sonia Schmorantz said...

Quase posso sentir este natal a beira do mar...apesar do calor aqui no Brasil, o aconchego deste poema é quase real.
Um feliz ano novo para ti, que seja um ano de gratas surpresas.
Um abraço

6:28 da manhã  
Blogger Sophiamar said...

Um Ano Novo cheio de Saúde, Paz e Amor.

Beijinhos

12:07 da tarde  
Blogger Fernando Rozano said...

Ana, meu maior desejo é alegria e felicidade cotidiana em cada um dos teu dias, não penas nesta passagem de ano, mas sempre. tua sensibilidade e sábia lucidez são essenciais à vida. beijo e muita felicidade.

9:24 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Para ti, Ana, nesta passagem de mais um ano, com um beijo meu. JO

VIAGEM

Oh ! Tristeza me desculpe !
Estou de malas prontas.
Hoje a poesia veio ao meu encontro.
Já raiou o dia, vamos viajar !
Vamos indo de carona
na garupa leve do vento macio
que vem caminhando,
desde muito longe...
lá do fim do mar !
Vamos visitar a estrela
da manhã raiada,
que pensei perdida, pela madrugada,
mas que vai escondida,
querendo brincar...
Senta nessa nuvem clara, minha poesia !
Anda ! Te prepara !
Traz uma cantiga,
vamos espalhando música no ar !
Olha, quantas aves brancas, minha poesia !!!
Dançam nossa valsa,
pelo céu que um dia,
fez todo bordado...
de raios de sol.
Oh! Poesia me ajude,
vou colher avencas, lírios, rosas, dálias,
pelos campos verdes,
que você batiza
de jardim do céu...
Mas, pode ficar tranquila, minha poesia !
Pois nós voltaremos,
numa estrela guia,
num clarão de lua,
quando serenar...
Ou, talvez até quem sabe,
nós só voltaremos,
num cavalo baio,
no alazão da noite,
cujo nome é raio...
Raio de Luar.

VIAGEM é uma composição musical de Baden Powell. Mais tarde ganhou a letra de Paulo César Pinheiro, cantada na voz de MARIZA.

5:46 da tarde  
Blogger Cata-Vento said...

É necessário alimentar o sonho de que tudo vai mudar.Estão dentro de cada um de nós a força e a vontade para operar essa mudança.
Bom Ano Novo!

Beijinhos

Bem-hajas!

10:19 da tarde  
Blogger Vieira Calado said...

Obrigado pela partilha.


Bom Ano para si!

12:21 da manhã  
Blogger tulipa said...

OLÁ AMIGA

Estamos todos juntos em oração pela minha sobrinha.
Sofro muito porque a m/sobrinha não quer que a vamos visitar...
não consigo compreender.
Queria tanto estar junto dela.

Beijos.

8:58 da tarde  
Blogger Isabel José António said...

Queridos Amigos,

Após uma longa ausência, estamos de regresso!
Venham visitar-nos às diferentes “salas” da nossa “casa virtual”:

http://flordojacaranda.blogspot.com/
http://diarioestetico.blogspot.com/
http://reflexoessentidas.blogspot.com/
http://newsletterfromlisbon.blogspot.com/
Isabel e José António desejam um Feliz Ano Novo e a Realização dos vossos melhores sonhos!

3:21 da manhã  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Ana
Mais um ano... e que o próximo seja parte do caminho que desejas palmilhar.
Um beijo
Daniel

4:11 da tarde  
Blogger FERNANDA & POEMAS said...

Querida Ana, agora que já vamos andando em janeiro a passos largos... Quero deixar-te um grande abraço de carinho e ternura,
Fernandinha

8:55 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home