quinta-feira, julho 29, 2010

Este amor não é feito de sangue

Foto de Sistermoon



Este amor não é feito de sangue,
a minha alma não anda nessa rua deserta,
nem vai, pé ante pé, contemplar o teu rosto,
deitar-se em seguida sobre o teu corpo gelado
e limpar-te os olhos do frio
de uma madrugada
impúdica.
.
.
.
.
Armando Silva Carvalho
(in O Amante Japonês )
.

11 Comments:

Blogger Maria said...

Não tenho nada de Armando Silva Carvalho. E gosto...
Lá tenho eu de ir à Fnac...

Beijinho, Ana.

9:29 da tarde  
Blogger poetaeusou . . . said...

*
uma bela escolha !
,
Apalpa um violino
com teus dentes.
Corrige a corriqueira
soma dos acordes.
Medicamenta o mundo.Ó bruxo semanal
com teus abutres, teu mocho
dado à gula dos mistérios,
quem paga esta consulta ?

,
in-Armando Silva Carvalho,
,
conchinhas,
,
*

11:45 da manhã  
Blogger Fernando Rozano said...

poesia e nela me deixo envolver. beijo, Ana.

8:50 da tarde  
Blogger Baby said...

Aprecio imenso as tuas escolhas, trazes-nos sempre uma poesia muito especial.
Lamentavelmente não conhecia nada de Armando Silva Carvalho, e gostei de ambos os poemas que li aqui!
Obrigada.
Beijos e votos de um bom fim de semana.

10:03 da tarde  
Blogger hfm said...

Belíssimo!

9:39 da manhã  
Blogger A.S. said...

Querida Ana,

Que beleza de poema!
As palavras exactas, as emoções sentidas, a secreta alquimia da seiva do amor...

Beijos Meus!
AL

3:07 da tarde  
Blogger Cata- Vento said...

Sempre a desempenhar de forma exímia a divulgação da poesia.

Bem-hajas, amiga!

Não te esquecerei, Ana do Mar que ambas tanto amamos.

Beijinhos

5:20 da tarde  
Blogger Maria Costa said...

Ana, a qualidade a que nos habituou.

Beijinho grande :)

8:02 da tarde  
Blogger Iris_Esfenoidal said...

E em contra-resposta...

"Hoje os olhos são míopes
E eu um assassino dentro do teu corpo.
Há palavras de sangue caídas
Ao meu lado.

Mas sorvo mesmo assim essas imagens densas
Enquanto o esforço sobe o nevoeiro
E tu não te arrependes de me levares contigo
Atraiçoado."

beijo e obrigada pela partilha,

Isabel :)

11:45 da tarde  
Blogger Vieira Calado said...

Desejo-lhe uma óptima semana!

Saudações poéticas

12:15 da manhã  
Blogger tulipa said...

Que lindo o poema!
Bela escolha.
Obrigada pela partilha.

Vou estar agora 3 semanas de repouso, com ordens médicas, veremos se consigo visitar mais amiude os blogues dos amigos; tenho que pensar na minha saúde, mais ninguém faz isso por mim.

Sinto-te muito ausente dos meus blogues. Sinto a tua falta!!!

Fica bem.
Beijokas.
Continuação de dias felizes.

4:36 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home