quarta-feira, março 29, 2006

Estamos juntos






Estamos juntos, quando a poesia nos toca
e entramos como reis no Reino do Silêncio...
Quando sentimos que tempo e risos e lágrimas e tudo
em nós madurece...

Estamos juntos , quando a noite é fria ou o calor custa a suportar,
quando a solidão é mais solidão
e vemos a palavra Amor na boca de tantos ser profanada...
Oh! Ainda que nos separem Oceanos,
estamos juntos, bem juntos, bem o sabes,
numa profunda companhia!



Cristovam Pavia

13 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Muy bonito poema. Un saludo.
Obrigada.
Comella Firmet
http://guallavitoclub.blogia.com

3:58 da tarde  
Anonymous Jo Afonso said...

Que lindo, Ana!
Fica com um beijo meu "roidinho" de saudades.
Jo

5:18 da tarde  
Blogger AS said...

Ana, nada há que possa separar um grande afecto!... E quanto mais doem as saudades mais ele se consolida!

O poema é muito bonito! Tu tens um excelente sentido de escolhas!...

Um beijo meu

8:39 da tarde  
Blogger Su said...

belo poema

jocas maradas

9:03 da tarde  
Blogger hfm said...

Um verdadeiro hino!

9:58 da tarde  
Blogger Kalinka said...

Olá Amiga
Estou triste. Já não chega a minha situação neste momento, que também haviam de cair em cima de mim devido a uma foto que coloquei no meu blog...possas, tudo me acontece...Vai lá espreitar,p.f.
Tenho a dar-te os Parabéns pela bela poesia que publicaste e caso não te importes vou copiar umas frases que gostei mais:

Estamos juntos, quando a poesia nos toca...Oh! Ainda que nos separem Oceanos,estamos juntos, bem juntos, bem o sabes, numa profunda companhia!
MAGNÍFICO.
Beijokas minha querida.

1:14 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

..so tu ANA ! #

10:42 da manhã  
Blogger jorgesteves said...

Uma 'dualidade' perfeita: nas palavras e na imagem!
jorgesteves
http://www.contextualidades.blogspot.com/

5:39 da tarde  
Blogger Wakewinha said...

O que importa é que estejam juntos! =)

Beijito grande e bom início de fim-de-semana*

[Lê e divulga.]

6:03 da tarde  
Blogger Lmatta said...

Lindo poema
Beijocas

8:16 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

É o horizonte que se move?
ou o meu olhar parou aqui?

Os meus dedos
as minhas mãos
alteram-se
e escrevem:

Ainda bem que estamos juntos...
Estamos aqui... Encostados ao Mar...

liquidos contornamos
dispersos
o delinear
o cheiro leve dos poemas.

Estaremos Vivos enquanto as ondas ininterruptas batem
enchendo a maré
e o azul se submete mais azul ainda
num risco marcadamente azul
transparente
leve
belo e subtíl

desejosamente enlouquecido
a chamar-se
gaivota


Beijinhos

mARio

12:09 da manhã  
Blogger Amaral said...

Muito belo o poema e a sua mensagem. A poesia e o Amor, juntos, conseguem fazer maravilhas, com toda a sua magia…

12:35 da manhã  
Blogger Ruy Ventura said...

Que bom reler o meu "vizinho" Pavia. Parabéns pela iniciativa.

1:14 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home